Paixão

Visit allwallpapersfree.blogspot.com

Para que possamos nos perder um no outro, sermos felizes nesta peregrinação corporal, neste interlúdio de paixão.

Para que tenhamos o dia e noite a nos olhar, sempre a nos abençoar e não nos abandonar, porque amor é como esperança, jamais deve morrer.

Para que sejamos cúmplices um do outro, um no corpo do outro, um no coração do outro a ter prazer cada vez maior e intenso.

Para que a eternidade seja todos os dias, todas as noites, e neste prazer sem fim, nos perdermos por completo neste tesão a nos consumir.

Para que a vida seja nós sempre, nada além de nós, e o restante da humanidade ficará do lado de fora de nosso ninho de amor.

Para que tudo termine por poucos instantes, e em seguida novamente começar.

Para que o final seja momento de reflexão, conversa sobre como foi bom, e imaginar o que pode vir a seguir.

Para que nossos corpos mesmo cansados não consigam adormecer, porque o prazer de um ao outro ter é imenso, maravilhoso, intenso.

Para que a vida recomece a cada nosso novo encontro, o prazer se inicie sempre que nos olhemos, e as vontades sejam refeitas sempre que nos toquemos.

Para que a existência da humanidade possa em nós fazer parte, o inicio do que nunca irá terminar.

Para que o prazer se renove a cada encontro, mesmo que seja todos os dias, porque o meu prazer é te dar prazer a cada nova aventura sensual.

Para que nossa existência só tenha fim em conjunto quando a paixão findar, porém sentimos que estas labaredas de paixão só tem indícios de cada vez mais aumentar.

Para que o EU TE AMO sempre tenha o outro a ouvir; e se maravilhar.

A paz em nosso coração seja cada vez mais constante sempre que nos encontrarmos, e nos amemos serenamente.

Os corpos cansados se refaçam à primeira nova caricia, novo olhar e palavras de desejo ao ouvido.

Tudo para conspirar à nossa paixão, à vontade de se submeter maravilhado ao outro, sem medir esforços ou palavras de sedução.

O tesão, a paixão, a vontade até mesmo sem condição de procurar mais e mais; se entregar e ser feliz no corpo na boca de quem se ama.

Tudo é perdição, vontade de ser violado por outra pessoa, e não se sentir ultrajado, porque é por amor, por paixão estes acontecimentos à nossa intimidade, a qual queremos muito compartilhar.

E orando para que jamais este turbilhão de deliciosas insanidades não termine, não se finde; porque nos faz bem, nos mostra que podemos ser felizes com pouco de bem material que temos.

O amor assim se faz, desejando sem fim, querendo se ter sem compreender o que nos acontece, porque o amor pode ser cego, mas é tremendamente poderoso em nós, porque vem de Deus.

Fazemos por merecer esta paixão, sempre em linha reta andando, sempre em desejo sincero se mantendo, e por fim o que nos vem é o que merecemos, paixão desmedida, mas consciente por alguém.

O amor pode ser insanidade, mas é por vontade, por desejo, por prazer de querer muito alguém, e será um prazer muito maior se este nos quer profundamente também.

Obrigado por todo este amor; que faz bem, que me mantém e que me desorienta quando contigo estou.